2017-11-23

MEDWAY e RENFE inauguram hoje a operação do Terminal de Mérida com destino a Portugal

 

Parte hoje, quinta-feira, a primeira locomotiva do Terminal de Mérida, com destino a Portugal. Esta primeira circulação é fruto de uma parceria entre a MEDWAY e a RENFE que passou a assegurar a operação daquele Terminal desde o passado dia 15 de Novembro. 

Composto por 22 vagões e com um comprimento de 460 metros, este comboio transporta 1.190 toneladas brutas de produtos estremenhos, nomeadamente concentrado de tomate e vidro, numa viagem que se prevê que dure cerca de 9 horas. 

Esta composição chegou de Portugal na Terça-feira para ser carregada durante o dia de ontem (Quarta) e partir do Terminal à primeira hora de hoje (Quinta-feira), com destino à Bobadela.

Para o transporte, a RENFE utiliza uma locomotiva da serie 333 para a tracção do comboio e, uma vez passada a fronteira, será a nova EURO4000 da MEDWAY que se encarregará de a levar ao seu destino. Estão em curso os desenvolvimentos necessários para que no futuro estas viagens possam ser integralmente feitas pelas EURO4000, evitando assim que os comboios mudem de tracção. 

Ligações semanais

Numa primeira fase, este tratar-se-á de um serviço entre os portos nacionais (Sines, Lisboa e Setúbal) e o porto seco de Mérida, com duas ligações semanais que irão alargando primeiro a para três, embora com o objetivo de chegar às seis. No futuro, pretende-se também alargar este serviço a outras localidades em Espanha e em Portugal.

Segundo Carlos Vasconcelos, Administrador da MEDWAY, “este é um importante passo na estratégia de actuação da MEDWAY que pretende alargar a actividade para Espanha.” 

Dada a capacidade de exportação da região da Extremadura, as duas empresas estão já a trabalhar na possibilidade de passar a transportar produtos alimentares congelados em contentores próprios, tendo como destino final o mercado internacional.

Aposta na economia estremenha

Numa parceria inédita, a MEDWAY e a RENFE passam a assegurar a operação do Terminal de Mérida por um período de concessão que é de cinco anos e que poderá ser renovado por mais outros dois.

O objectivo deste negócio é o de criar uma plataforma para receber e entregar mercadorias, designadamente contentores, que sirvam toda aquela região espanhola, oferecendo ao mercado condições de maior proximidade para facilitar as importações e exportações daquela zona.

O Terminal Ferroviário de Mercadorias de Mérida tem aproximadamente 21.000 m2, 3 linhas, uma de 360 metros e duas de 260 metros. O espaço conta ainda com um edifício de escritórios com 180 m2.

Até ao final do ano a MEDWAY e a RENFE esperam atingir as 20 mil toneladas de mercadorias transportadas através deste novo serviço.

Voltar a notícias